Três mil famílias do Baixo Amazonas, Alto e Médio Tapajós são apoiadas com cestas básicas da campanha #ComSaudeeAlegriaSemCorona

Nova ação da campanha #ComSaudeeAlegriaSemCorona está atendendo dezoito municípios através de parceiros que atuam em diferentes territórios;

A pandemia da covid-19 acentuou as dificuldades financeiras para muitas famílias ribeirinhas do interior da Amazônia. A campanha Com Saúde e Alegria Sem Corona lançada em 2020, tem buscado apoiá-las nesse momento difícil, e tem atingido as mais vulneráveis, através de parcerias com entidades não governamentais, poder público, associações, cooperativas e Departamentos Sanitários.

Neste mês, estão sendo distribuídas 2.895 cestas básicas que pesam 31.845 quilos, em comunidades carentes dos municípios de Almeirim, Porto de Moz, Prainha, Monte Alegre, Alenquer, Curuá, Óbidos, Oriximiná, Terra Santa, Faro, Belterra, Mojuí dos Campos, Santarém, Rurópolis, Itaituba, Gurupá, Juruti e Aveiro.

O DSEI (Distrito Sanitário Especial Indígena) do Rio Tapajós segue com a distribuição de 986 cestas de alimentação para o povo munduruku e PAE Montanha e Mangabal, no município de Itaituba, Sudoeste do Pará. Os itens estão sendo distribuídos para as famílias indígenas dos povos Mundurukus do Pólo Base do Alto Tapajós e para as aldeias do Médio Tapajós Sawré Jauby, Datie Watpu, Boa fé, Sawré Muybu, Sawré Aboy, Dajé Kapap, Karo Muybu, Poxo Muybu e o PAE Montanha-Mangabal.

Para abranger às 986 famílias indígenas dos territórios atendidos pelo DSEI Rio Tapajós, é preciso contar com aviões bimotores, caminhões e rabetas.

O Bloco dos Heróis fundado em 2012 tem contribuído voluntariamente com ações da campanha para levar prevenção às comunidades da floresta. Em uma década de participações em festejos de carnaval, o ‘Bloco dos heróis’ tem dado exemplo de solidariedade. Iniciado por um grupo de militares do Corpo de Bombeiros, o bloco que surgiu como uma brincadeira para garantir a diversão dos profissionais que durante o período carnavalesco, está com a meta de atingir 650 famílias em diferentes municípios: “Estamos nesse período da pandemia, com uma parceria com o Projeto Saúde e Alegria para doação de alimentos. Estamos desencadeando a operação Calha Norte, que vai levar a campanha a 17 municípios da região, chegando até a Ilha do Marajó” – contou um dos idealizadores, CB Elias Júnior.

Voluntários do Bloco dos Heróis descarregando cestas básicas no município de Óbidos.

Para atingir a meta, contam com o apoio de voluntários espalhados por todas essas cidades. O grupo parceiro da campanha desde o início da pandemia, tem apoiado o PSA para atender quem mais precisa nesse momento delicado. “O nosso objetivo é alcançar essas famílias que teriam mais dificuldade de serem atendidas. Chegar onde é mais difícil chegar naturalmente” – acrescenta.

No município de Oriximiná, as doações contaram com o apoio do 4º Grupamento de Bombeiros Militares do Pará.

Também concluíram as doações a Associação de Moradores e Produtores Agroextrativistas da Comunidade de São Sebastião do Eixo Forte AMASEF (74 cestas), a Turiarte (131), Secretaria Municipal de Aveiro e Federação da Flona do Tapajós (104) e Prefeitura Municipal de Mojuí dos Campos (300).

“É muito importante pro Saúde e Alegria poder contar com todos esses parceiros. Além deles, contamos com apoiadores – fundamentais para atender as famílias em extrema vulnerabilidade social. Para chegar em todos esses territórios, recebemos o apoio do Itaú Social” – esclarece a Assistente Social do PSA, Ananda Pacheco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Projeto Saúde & Alegria
Rolar para cima