Curso ensina mulheres indígenas a fabricarem cosméticos naturais

Formação liderada pela Associação de Mulheres Indígenas Suraras Do Tapajós de Alter do Chão acontece do período de 09 a 13 de setembro. Saúde e Alegria apoia iniciativa;

Vinte mulheres indígenas do Oeste do Pará estão aprendendo a transformar matéria prima oriunda de áreas de conservação ambiental em cosméticos artesanais e veganos no curso de ‘linha de autocuidado natural artesanal e vegana’. Durante cinco dias de imersão nas técnicas de extração e fabricação, estão aprendendo a produzir sabonetes, shampoos, extratos, óleos de massagem medicinal, desodorante, tônico facial e condicionador.

A iniciativa da Associação de Mulheres Indígenas Suraras Do Tapajós dividiu o público em duas turmas de dez mulheres nos turnos manhã e tarde, para evitar aglomerações e incentivar a geração de renda sustentável para as populações tradicionais, explicou a coordenadora técnica do projeto, Ianny Borari: “As mulheres que estão sendo treinadas vão ser multiplicadoras. Elas vão poder fornecer para as Suraras do Tapajós produtos de cosméticos e a associação vai vender esses produtos que contam uma história, que tem um peso social e ambiental, além de um compromisso com quem mora na terra e vive dos recursos naturais”.

Um dos diferenciais do curso é a origem da matéria prima que proveniente de áreas preservadas, unidades de conservação, territórios indígenas e territórios quilombolas. “A gente está contribuindo para manter essa atividade de povos tradicionais indígenas” – ressaltou Borari.

Após conclusão do curso, as mulheres poderão dar continuidade em casa e produzir por meio de um kit com balança, pHmetro, spec e baldes. A linha Surara dos Tapajós de cosméticos naturais será lançada no final de setembro em Santarém e já possui encomendas, esclareceu a coordenadora.

O Projeto recebe o apoio do Fundo Casa Socioambiental e do Projeto Saúde e Alegria.

Alunas do curso com os respectivos kits de produção. Fotos: Suraras Do Tapajós

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site! Rolar para cima