Nova remessa de face shields atende hospitais de quinze municípios do Oeste do Pará

Distribuição compreende 1.700 máscaras de proteção e foi entregue à Secretaria de Saúde do Pará em Santarém. Itens serão distribuídos pela Sespa aos municípios de abrangência na 9ª Regional.

A entrega realizada à diretora do 9° Centro Regional da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), Marcela Tolentino nesta terça-feira (11) visa proteger os profissionais de saúde de 15 municípios da região. Em Santarém as máscaras serão distribuídas para o Hospital de Campanha, Unidade de Pronto Atendimento (UPA), Hospital Municipal, Equipe administrativa da SEMSA e UEPA. As Face Shields também serão enviadas às Secretarias Municipais de Saúde dos municípios de Santarém, Aveiro, Mojuí dos Campos, Juruti, Itaituba, Oriximiná, Óbidos, Trairão, Alenquer, Monte Alegre, Rurópolis, Faro, Terra Santa, Placas, Altamira, Curuá, Jacareacanga, Novo Progresso e Prainha.

Com esta nova entrega, são mais de 8.900 viseiras entregues para diferentes setores públicos, como Polícias Civil e Militar, Secretaria Municipal de Trânsito, feirantes, pescadores, comerciantes, dentre outros.

Segundo um dos coordenadores do Saúde e Alegria, Paulo Lima, esta ação é resultado de parcerias que buscam proteger os profissionais que lidam diariamente com pacientes infectados pela covid-19.  O quantitativo doado nesta remessa é oriundo de doação da Amazônia Viva através da produção do Projeto Arrastão de São Paulo (organização sem fins lucrativos) que está produzindo máscaras Face Shield para distribuição nos hospitais da região de São Paulo e agora chega à região norte do país. Fundado em 1968, o projeto atua no acolhimento e suporte às famílias que vivem em condição de pobreza. O trabalho engloba as áreas de educação, cultura, geração de renda, habitação e qualidade de vida.

Arquivo entrega à Secretaria de Mobilidade e Trânsito. Ascom/SMT

O EPI utilizado por profissionais da saúde permite a proteção facial contra gotículas de saliva e secreção, principalmente em procedimentos mais invasivos. De acordo com a diretora da Sespa em Santarém, Marcela Tolentino, as viseiras foram entregues para os municípios considerando a necessidade de cada região: “distribuímos 100 para municípios maiores e para os menores 50. Nós temos uma logística no 9° Centro Regional pra fazer essas distribuição e eu aproveito a oportunidade para agradecer, porque muitos casos os profissionais que trabalham diretamente com covid acabam sendo acometidos. Eles se expõem muito no dia a dia. Então foi fantástica essa colaboração”.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site! Rolar para cima