Nota de esclarecimento e solidariedade aos profissionais de saúde do Abaré

Em meio à luta contra a COVID-19, sabemos que muitas dificuldades se apresentam e temos que estar preparados para lidar com elas. Nesta terça, 21/05, recebemos com tristeza a informação de que foram identificadas a contaminação de dois membros da equipe da SEMSA no Barco Hospital Abaré pelo novo coronavírus, nas imediações da comunidade de Tauari, município de Belterra.

O Projeto Saúde e Alegria tem seis colaboradores na atual expedição pelo rio Tapajós (municípios de Santarém, Aveiro e Belterra) que foi iniciada em 14/07, estava prevista para terminar em 31/07, e está temporariamente suspensa. Eles farão novos testes e ficarão na quarentena esperando para seguir ou não com o restante da tripulação.

Três desses profissionais estão focados na entrega de kits de higiene e proteção, além de fazerem atividades educativas sobre prevenção e combate à COVID-19. E os outros três são da equipe de saúde – dois médicos e uma enfermeira – que realizam atendimentos aos comunitários, numa soma de esforços com a SEMSA.

Todos seguiram o protocolo definido pelo Comitê de Saúde dos Rios (com a participação da UFOPA, SEMSA, PSA, Conselho Municipal de Saúde, STTR, CITA, SESAI e FUNAI) e foram testados antes da viagem. Este protocolo inclui sanitizações periódicas e continuadas, além de testagens e retestagens dos embarcados (antes e durante as rodadas), procedimentos que permitiram diagnosticar a covid-19 na enfermeira da SEMSA e tomar todas as providências tanto no tratamento de quem está infectado quanto para minimizar riscos de contágio, seja entre os profissionais ou comunidades.

Infelizmente, a contaminação de profissionais de saúde pela Covid-19 tem sido uma realidade em todo mundo. Por esta razão, grande parte das ações do próprio PSA na sua campanha de combate à pandemia está voltada à proteção destes heróicos profissionais da linha de frente, seja através da doação EPIs como máscaras cirúrgicas e face shields, seja no suporte a ampla testagem dos profissionais da Organização.

Parabenizamos estes profissionais que arriscam suas próprias vidas no front de combate à COVID-19, manifestando toda nossa solidariedade e apoio para que superem a doença da melhor forma possível.

Estamos nos organizando com vistas a continuar o apoio junto às famílias do Tapajós em situação de vulnerabilidade, sempre prezando pela segurança dos nossos profissionais e dos comunitários.

1 comentário em “Nota de esclarecimento e solidariedade aos profissionais de saúde do Abaré”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site! Rolar para cima