Seis Startups são premiadas durante Pitch do Beiradão de Oportunidades

Apresentações de negócios dinamizam o processo de formação em empreendedorismo de jovens indígenas e ribeirinhos. Nesta fase, seis empreendimentos foram selecionados para a incubação onde receberão mentoria e auxílio financeiro

Comprar mel de abelha nativa da região com a garantia de produto sustentável com o compromisso de manter a floresta em pé foi a proposta apresentada por duas, das seis Startups apresentadas no Pitch que marca a fase final de preparação dos empreendimentos.

Durante o encontro, trinta jovens moradores de aldeias indígenas e regiões ribeirinhas apresentaram as propostas dos negócios que também contemplam geração de renda através de fomento ao turismo, floricultura, agroecologia e cultura.

Cada empreendimento foi elaborado coletivamente pelo grupo durante os módulos de preparação onde receberam orientações e capacitações para a melhor organização do negocio. Para uma das integrantes da edição de 2019 do Beiradão, Ana Raquel de Sousa – a participação representou uma alternativa econômica viável para quem pensava em sair da aldeia em busca de oportunidades: “a minha perspectiva é que a gente crie o nosso meliponario onde nós vamos atender a nossa comunidade e as comunidades vizinhas. Isso quer dizer que tem muita gente que apoia e está esperando pelo nosso meliponário”.

Para o coordenador de empreendedorismo Juvenil do PSA – Paulo Lima a décima primeira turma do Beiradão mostra que a estratégia de empreendedorismo juvenil está cada vez mais consolidada: “acho que a gente está chegando num momento de maturidade. O Saúde e Alegria incorporou e de certa maneira adaptou muito bem para a realidade local as técnicas de estimular o jovem a ter uma atitude empreendedora. Eu fico feliz em ver a capacidade deles se expressarem, isso mostra que estamos no caminho certo”.

Projetos selecionados

A 11ª turma do curso resultou na criação de 6 projetos de empreendimentos nas regiões de origem, onde se destacaram negócios inovadores nas áreas da meliponicultura, agroecologia, cultura e turismo. Os seis receberão apoio financeiro e assessoria para dar continuidade aos seus negócios. Foram selecionados:

NAP – Núcleo de Agroecologia de Prainha

Amazon Mel

São Pedro Festcultura

Natumel

Jasmim Floricultura

Olá Jaguar – Turismo, Cultura e Comunidade

Beiradão

É um processo de formação de jovens empreendedores que engloba conceitos de negócios sociais e tecnologias, auxiliando os jovens na geração de ideias inovadoras que surgem para solucionar problemas que estão inseridos em algum contexto social.

O curso faz parte de uma estratégia maior do Saúde e Alegria, que visa contribuir para uma melhoria das condições de vida e para um desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens de comunidades da Amazônia. “Isso inclui além de estratégias de mobilização social, a criação de oportunidades de trabalho e renda para que os jovens das comunidades possam ter a oportunidade de fazer escolhas, sair ou ficar da comunidade, mas com clareza para construir seus projetos de vida plenamente”, conclui Fábio Pena, da coordenação de educação do PSA.

Participaram do Pitch representantes da Coomflona, Associação Tapajoara, Emater, IFPA e Ufopa.

 

1 comentário em “Seis Startups são premiadas durante Pitch do Beiradão de Oportunidades”

  1. Pingback: Startups do Beiradão de Oportunidades iniciam incubação - Projeto Saúde Alegria | Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site! Rolar para cima