Campanha apoia famílias carentes com distribuição de alimentos à instituições

A campanha #ComSaudeeAlegriaSemCorona realizou mais uma etapa de distribuições nesta terça e quarta-feira (20 e 21/07) à instituições parceiras para atender famílias de Santarém, Mojuí dos Campos e Belterra;

O Projeto Saúde e Alegria realizou entrega de novas mil cento e treze cestas para as Casas Familiares Rurais de Santarém, Belterra e Lago Grande, Fundação Parapaz, Adefis, Clube de jovens de Alter do Chão, Pastoral Social/arquidiocese de Santarém e Semtras/Prefeitura Municipal de Santarém.

As mais de treze toneladas foram divididas entre as instituições que têm mapeadas famílias em maior situação de vulnerabilidade social nos municípios. Para a Pastoral Social da Arquidiocese de Santarém que vem desenvolvendo ações voltadas ao enfrentamento da covid-19 e apoio às famílias carentes,  a parceria tem reforçado as ações, conta o Pe.  Guilhermo Grisales: “Nós começamos em fevereiro um plano que se chama ‘Puxirum pela Vida em tempos de Pandemia’ para recolher alimentos. Doamos até agora incluindo as cestas do Projeto Saúde e Alegria três mil cestas básicas para pessoas da periferia, várzea e comunidades do Planalto”.

A Casa Familiar de Belterra, de Santarém, e a Escola Familiar Rural do Lago Grande receberam cestas que apoiarão os estudantes e suas famílias.

Entrega para Casa Familiar de Belterra, de Santarém e Escola Familiar Rural do Lago Grande. Foto: Ananda Pacheco/PSA.

“É muito gratificante estarmos recebendo essas cestas. Quem vai receber essas cestas são os alunos junto a suas famílias da nossa escola, casa familiar rural onde a escola está atuando nas três regiões do PAE Lago Grande: região da margem esquerda do Rio Arapiuns, Alto e Médio Lago Grande e Arapixuna. Fico muito feliz com essa parceria com o PSA” – Neida Pereira, coordenadora pedagógica da Escola, Lago Grande.

“A gente vai atender aos municípios de Mojuí dos Campos e Belterra. A casa está sem alunos mas as atividades não param. A gente está sempre buscando parceria com as entidades para fortalecer a Casa Familiar Rural” – Adriele Bezerra, Casa Familiar de Belterra.

A Associação dos Deficientes Físicos de Santarém que conta com oitocentos e oitenta e seis sócios deficientes físicos e múltiplos nas cidades de Mojuí dos Campos, Belterra, Monte Alegre, Óbidos e outros municípios do oeste do Pará, recebeu os kits de proteção alimentar para amparar o público em maior necessidade. “É muito importante porque o nosso público é muito carente. Essas cestas vão beneficiar pessoas com deficiência que estão necessitando. É muito gratificante quando a gente entrega uma cesta básica e a pessoa diz que veio em bom momento” – Ladia Rufino, Assistente Social Adefis.

Entrega à Fundação Parapaz e Semtras/PMS.

A Prefeitura de Santarém recebeu noventa cestas que serão destinadas às famílias em situação de vulnerabilidade social referenciadas pela Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras).

A titular da Semtras, Celsa Brito, agradeceu por mais uma parceria do PSA que desde o início da pandemia colabora com a Secretária no atendimento às pessoas em vulnerabilidade social: “Receber mais uma vez essa mão amiga do Projeto Saúde e Alegria é gratificante. Recentemente estivemos juntos distribuindo cestas na região de várzea unindo forças para que possamos estar mais perto da população. Esta é uma demanda que tem crescido na pandemia e o tesouro também tem feito a aquisição de alimentos e ter outros apoiadores é essencial”, agradeceu Celsa.

As doações foram realizadas por meio da parceria com o Itaú Social e Natura. “Sempre é uma enorme alegria sermos parceiros da Prefeitura e Secretaria de Assistência Social, pois ela identifica as famílias que realmente estão em vulnerabilidade. Tudo é feito com muito critério”, disse o fundador do projeto Eugênio Scannavino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Projeto Saúde & Alegria Rolar para cima